Patriarca exorta Igrejas da Índia pela unidade

unidade
à esquerda, Mor Baselios Thomas I, primaz da Igreja Sirian Ortodoxa Jacobita Malankara (submissa ao Patriarcado de Antioquia) e à direita, Mor Baselios Paulose II, primaz da Igreja Ortodoxa Malankara. Unidade próxima?

O Patriarca de Antioquia e Todo Oriente Mor Inácio Efrém II, primaz da Igreja Sirian Ortodoxa Universal, convidou a Igreja Sirian Ortodoxa Jacobita Malankara (submissa ao Patriarcado de Antioquia) para iniciar um diálogo construtivo com a Igreja Ortodoxa Malankara, buscando retomar a plena unidade entre as duas comunidades na Índia. O convite foi feito por Sua Santidade em uma mensagem especial enviada para o Santo Sínodo a Igreja Sirian Ortodoxa Jacobita, atualmente sob a pastoreio de Sua Beatitude Mor Baselios Thomas I, Cathólicos do Oriente.

A Igreja Ortodoxa Malankara já havia respondido positivamente ao convite do Patriarcado de Antioquia para começar um diálogo pela unidade das Igrejas na Índia. O próprio patriarca copta de Alexandria, Papa Tawadros II, ofereceu-se para mediar o diálogo.

O convite do Patriarca Mor Inácio Efrém II pela paz e unidade entre as Igrejas na Índia é considerado um passo muito positivo e esperançoso para acabar com o cisma entre a Igreja Ortodoxa Malankara e a Igreja Sirian Ortodoxa Jacobita Malankara. Especialistas ortodoxos também esperam num futuro próximo por um possível encontro entre o Patriarca Inácio Efrém II e o Cathólicos Baselios Paulose II, primaz da Igreja Ortodoxa Malankara.

ENTENDA A DIVISÃO DA IGREJA NA ÍNDIA

Em 1975 um cisma dividiu a Igreja na Índia, formando dois grupos. O primeiro, fiel e submisso ao Patriarcado de Antioquia, recebeu o nome de Igreja Sirian Ortodoxa Jacobita, e é atualmente pastoreado pelo Cathólicos do Oriente Mor Baselios Thomas I. O segundo, por não concordar com a interferência e a autoridade do Patriarcado de Antioquia na Igreja na Índia, declarou plena independência e elegeu um Cathólicos próprio, sendo chamado de Igreja Ortodoxa Malankara, atualmente pastoreada por Mor Baselios Paulose II, sendo por esse motivo excomungado pelo Patriarcado de Antioquia.

Anúncios