Santo da Semana: São Gregório de Parumala

Mor Gregorius Gheevarghese, ou, como é popularmente conhecido, São Gregório de Parumala, foi o primeiro santo a ser canonizado pela Igreja na índia e é amplamente aclamado como seu grande santo. Nasceu em 1848 na Índia e foi sagrado Metropolita em 1876 por Sua Santidade Inácio Pedro IV, então patriarca de Antioquia e Todo Oriente, do qual foi secretário e tradutor. Por ser o mais jovem bispo ordenado por Sua Santidade naquele período, ele era conhecido popularmente por “Kochu Thirumeni”, que significa “bispo jovem”. Seu juramento de Obediência (sir. Shalmootho) documenta sua submissão e lealdade incondicional ao trono apostólico de Antioquia.

Conhecido por sua vida monástica ascética, a qual ele nunca negligenciou por conta de outras atividades na igreja, ele mesmo afirmava que “a oração traz a verdade, a fé religiosa, honestidade e respeito entre as pessoas”. Durante uma grande epidemia de varíola, doença muito contagiosa e quase sempre fatal naquele tempo, Mor Gregório visitava a casa dos doentes para confortá-los, independente de sua *casta ou religião, mesmo a contra gosto de sua família, que temia por sua saúde.

Mor Gregório também teve uma visão de Nossa Senhora, quando estava doente, onde a Mãe de Deus o consolava e o exortava a dedicar toda sua vida ao Senhor. Morreu em 1902, aos 54 anos, e seu túmulo, assim como seu local de nascimento, é um grande centro de peregrinação.

Anúncios